CENTRAL DE NOTÍCIAS


07/02/2017

Dedicar-se aos estudos é uma boa estratégia para superar a crise



Apesar de o período de crise estar em ritmo decrescente, especialmente no setor industrial que já demonstra sinais de melhora, os efeitos da recessão financeira ainda são percebidos em diversos campos do mercado. Nestes períodos, é comum que as pessoas cortem gastos supérfluos e reduzam as despesas, com o intuito de não exceder o orçamento e entrem em dívidas. Muitos deixam de se dedicar à formação acadêmica por imaginar que seria a melhor saída, mas para especialistas no assunto essa pode não é a melhor decisão.

Sejam os cursos técnicos, os de nível Superior, ou mesmo os profissionalizantes são oportunidades para enfrentar a tão temida e comentada crise. Apesar de soar como paradoxo, investir em educação em tempos como os vivenciados atualmente pode render importantes resultados na vida profissional. Para o especialista em gestão de Ensino Superior, André Belchior, que atua como professor universitário e ministra palestras referentes ao tema, as crises são momentos de rever capacidades de superação e realização.

Ele comenta que, nesses momentos, os que estão mais preparados podem potencializar as forças, bem como talentos, sendo a preparação, por meio da experiência e formação profissional, serão absorvidos pela empresas. “Estar preparado é o melhor remédio para se tornar mais competitivo. E estudar é o melhor negócio em tempos de crise”, destaca Belchior. Para o especialista, abandonar o cursos superior desencadeia efeitos negativos, pois ao parar com a formação, o acadêmico também paralisa projetos de vida.

A importância para o ingresso no mercado de trabalho

Conforme a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico, cursar a faculdade aumenta em mais de 150% a qualificação do profissional, sendo os estudos grande oportunidade para os que ainda não possuem emprego. “O mercado está cada vez mais exigente”, diz a nutricionista, Jara Vicentin, ao comentar que a faculdade tem o papel de capacitar os alunos para competir no mercado. Ela conta que durante a graduação, na faculdade Asser de Rio Claro, havia o estágio obrigatório que, para Jara, foi de extrema importância. Iniciou em cozinha industrial, após a conclusão do curso, mas atualmente está na área de assessoria e consultoria nutricional.

Para o pedagogo, também formado pela faculdade Asser, Jucá Trindade, a formação acadêmica vem sendo mais eficaz para garantir qualificação dos profissionais e o desenvolvimento de pesquisas científicas. Professor da rede pública de Ipeúna, ele comenta que este é bem menos que um investimento, sendo “a construção de uma história de vida, que pode atribuir novos valores para todos”. Ele relata que, “a formação acadêmica tem um papel muito importante diante de todas as mudanças de paradigmas, crises e conflitos que permeiam a existência do homem”.






Newsletter ASSER
Rio Claro

Deixe seu email e receba nossas novidades »