CENTRAL DE NOTÍCIAS


13/01/2015

CURSO EM RIO CLARO SOBRE INTERPRETAÇÕES DA HISTÓRIA DO BRASIL




Estão abertas as inscrições para o curso “Conversa sobre os intérpretes da história do Brasil”, promovido pelo Arquivo Público e Histórico de Rio Claro. O curso será ministrado pela historiadora Sonia Marrach que dedica o tema a quatro grandes escritores brasileiros: Gilberto Freyre, Caio Prado Jr, Darcy Ribeiro e Sérgio Buarque de Holanda.
A primeira fase do curso acontece na próxima semana, nos dias 28, 29 e 30. As aulas serão realizadas na sede do Arquivo público, a partir das 19h30. O segundo bloco está programado para ocorrer no início de março, nos dias 4, 5 e 6. O Arquivo oferece 30 vagas e certificado de participação.
Professora aposentada da Unesp de Marília, Sonia Marrach é voluntária na Unesp de Rio Claro onde desenvolveu a idéia de pesquisar como esses quatro intelectuais brasileiros responderam as seguintes perguntas: Que país é este? Como entender o Brasil? Por que mudar a educação desse país é tão difícil?
O programa “Conversa sobre os intérpretes da história do Brasil” traz uma análise sobre as obras literárias Casa-Grande e Senzala, de Gilberto Freyre, Evolução Política do Brasil, de Caio Prado Junior, As Raízes do Brasil, de Sérgio Buarque de Holanda e O Povo Brasileiro: A formação e o sentido do Brasil, de Darcy Ribeiro. Nos encontros também serão exibidos trechos dos filmes de Nelson Pereira dos Santos e Isa Grinspum Ferraz, inspirados nessas edições.
“É sempre bom ler história, mas principalmente os clássicos, aqueles que realmente interpretam os fatos e explicam sobre a formação da sociedade brasileira”, diz Sonia Marrach, que pretende “fazer uma viagem pela história em boa companhia, isto é, com livros que realmente explicam nosso país e a nossa educação”.
“Esses escritores são verdadeiros rivais de Pedro Álvares Cabral, porque afinal de contas, eles ajudaram a descobrir o Brasil com seus livros”, comenta a professora que também é autora das obras “Outras histórias da educação: do Iluminismo à indústria cultural (1823-2005)” e “Música e universidade na cidade de São Paulo: do samba de Vanzolini à vanguarda paulista”.
As inscrições podem ser feitas no Arquivo Público e Histórico de Rio Claro, localizado na Rua 6, nº 3265, Alto do Santana, no NAM - Núcleo Administrativo Municipal, pelo e-mail adm@aphrioclaro.sp.gov.br ou também pelos telefones 3522.1938 e 3522.1935, com Gisele.






Newsletter ASSER
Rio Claro

Deixe seu email e receba nossas novidades »